Meus vídeo-poemas

Loading...

quinta-feira, maio 24, 1990

A música

A música penetra
No íntimo do meu ser
Faz-me sentir arrepios
E por dentro me aquecer.
Com suas notas
Tão esbeltas
Soam gritos delirantes
E vozes relaxantes.
O dó é doce
O ré, retado
O mi é mimoso
O fá muito falado.
O sol é sonante
O lá alarmante
E o si insinuante.
A música imagina
Claves e bemóis
E pausas nos lençóis.
Ao amor ela acrescenta
Um tom de pureza
E paixão que esquenta.
A música mistura
O sofrimento e a vida
A saudade e o amor
A paixão e a feria
A decepção e a dor
A alegria da ida
E a volta e o horror.

Nenhum comentário: