Meus vídeo-poemas

Loading...

segunda-feira, abril 15, 1991

Às vezes

Não sei se é coisa do destino
Ou se é loucura da minha cabeça.
Às vezes penso
Se é possível alguém viver
Tanto tempo assim
Fazendo presente uma pessoa
Que está tão longe de seu alcance.
É assim que vivo
Trazendo pra perto de mim uma pessoa
Que há muito tempo conheci,
Senti
E amei : e amo.
Vivo, penso e sonho...
E a presença dele está comigo
No meu pensamento
Nos meus sonhos,
no meu sono....
05/1991

Nenhum comentário: