Meus vídeo-poemas

Loading...

domingo, janeiro 05, 1992

Eu faço versos

Eu faço versos como quem ri
como quem ri e chora
Sente e ignora
Eu faço versos como quem canta
Como quem canta e encanta
Quando entra na dança
Eu faço versos como quem clama
Clama e grita
Grita e reclama
Faço versos como quem sofre
Sofre e explode
Explode e descobre
Faço versos como quem sonha
Sonha e se amedrotra
No alto da afronta
Eu faço versos como quem vê
Vê e prevê
O que vai acontecer?
Eu faço versos como quem ouve
Ouve e reouve
E não escuta as dores
Faço versos como quem anda
Anda e saltita
Anda e caminha
Anda e ouve
Anda e ri
Anda e canta
Anda e clama
Anda e vê
Anda e sonha
Anda e anda
Anda e alcança
Alcança o meu verso....

Nenhum comentário: