Meus vídeo-poemas

Loading...

quarta-feira, dezembro 07, 2005

Liberta-te!

Liberta-te animal que vive em mim!
Solta-te! Foge!
Corre por entre as matas
Sacia tua sede de sangue
Penetre por entre coxas
Urra! Grita! Ama!
Voa por entre vales e desertos
Invade todos os corações
Leva contigo o sabor das manhãs
A imagem afrodisíaca da lua cheia
A branda energia do pôr-do-sol
Caminha sobre as nuvens
Brinca com os pássaros do céu
Aventura-te!
Explora a vida diante de teus olhos!
Extasia-te com teu poder!
Busca o oásis que mata a tua sede!
Caça a presa que sacia a tua fome...
Poderosa fera....Liberta-te de mim!

2 comentários:

tonho frança disse...

Lu, você tem uma poesia encantadora, com um ritmo que vai crescendo e consegue emocionar, tocar, as vezes incomodar, e os versos são pra isso...versos são pra nos tirar da zona de conforto, do vazio, do sem sentido, da rotina cinza e ridícula que o mundo vem se transformando. Que bom ter poetas do teu porte como amigo...

Sou te fã e antes disso um admirador da tua alma.
bjs no seu coração.

Tonho França
Poeta e escritor.

timidarosa disse...

Lú,
Eu havia escolhido uma outro poesia, porém ao reler todas achei que essa se parece mais conosco.. calma!!! Com nossas formas de encarar o amor!!!. Você já era grande poeta antes de ter vivido tantas coisas imagine se não seria melhor agora!!! Você é grande.
bjs.