Meus vídeo-poemas

Loading...

segunda-feira, junho 25, 2007

Poema-instante


Profundo silêncio da madrugada
um ruído-inquietação em meu peito
Desligo o computador
por vezes, único companheiro
nas solitárias noites sem fim.
Percorro os cômodos da casa
Confiro se tudo está bem fechado
( Tempos em que bandidos ficam soltos
e inocentes presos em suas celas)
Paro diante do quarto das crianças
Tudo tão quieto!
As camas perfeitamente arrumadas
Todos os bichinhos de pelúcia no lugar
Os livros uniformemente organizados na prateleira
Nenhuma sandália espalhada pelo chão...

Por alguns instantes saio de mim mesma
E viajo em um tempo transcendental

Parada diante do quarto
Vejo berço, móbiles, fraldas
Escuto chorinhos dengosos
Seios fartos de leite-vida
Sinto o perfume lavanda-bebê..
As camas vão chegando
Os sapatinhos aumentam de tamanho
( como aumentam rápido!)

Chegam os uniformes escolares
As mochilas do Piu-piu
As paredes riscadas com garatujas
Os livros ilustrados preenchendo toda a estante

Chegam os diários
O rosa das colchas e lençóis muda de tom
No lugar das bonecas
Um mp3 em alto e bom som

Chegam as chaves das portas
E todos seus segredos
O salto alto, o volante
A coragem e todos os medos

No porta-retrato chegam as imagens masculinas
Os livros de histórias tornam-se romances
Os desenhos livres transformam-se em poesia.
O som das risadas e das temidas lágrimas
Os sonhos para o futuro
O eterno discordar de tudo
E seguir seu próprio destino...

Naquele breve instante
Ali
Parada
Diante do quarto
Vejo o tempo diante de meus olhos
E estive presente a cada segundo
Como anjo da guarda
Como mãe ou como fada
Errando para acertar
Amando só por AMAR..

Peço com força a Deus
Que as flores que de mim brotaram
Sejam muito melhores
E mais feliz que eu.

Um comentário:

RitaCosta disse...

Olá, Lú.
Estou dando uma passadinha em meus favoritos, e como tenho lá também seu blog, vim apreciar um cadinho de sua poesia. Achei emocionante essa ultima postagem. Lindo texto. Parabéns!
Vejo que você tem ai nos seus favoritos o meu blog desativado.
Vou te deixar aqui o link do meu atual, pro caso de querer atualizar ok. Um grade beijo poetisa. E parabéns pelos belíssimos textos mais uma vez.

http://ritacosta-almadepoesia.blogspot.com/