Meus vídeo-poemas

Loading...

sábado, julho 14, 2007

A Morte em conta-gotas


De gota em gota
em leves doses
sinto a morte
tomando meu corpo

sem sabor
sem odor
sem sentido

força que se esvai
evapora em companhia
de lágrimas teimosas

doses homeopáticas
antipáticas
insistem em mudar
o curso do rio

corredeira
pedras
no fim de tudo
bela paisagem.

Nenhum comentário: