Meus vídeo-poemas

Loading...

domingo, agosto 23, 2009

Contrariedade


Luh Oliveira
11/08/2009 05:42h

Ainda posso sentir
o perfume
inundando a pele
acariciada por mãos
intensamente

o olhar desnudo
o desejo que
pede tudo

entrelaçados
numa ilusão
dois corpos
se doam
ao som do infinito

a aurora traz
a crua verdade:
já não andamos
na mesma direção.

Nenhum comentário: