Meus vídeo-poemas

Loading...

terça-feira, janeiro 05, 2010

Último


Luh Oliveira
31/12/2009 20:51h

último quadrinho do calendário
é riscado pelo tempo
que rodopia no vento
bailando em companhia
da majestosa lua cheia

sorri satisfeito pelo início
de novos tempos
traz marcas das lágrimas derramadas
do grito contido
das angústias engasgadas

traz olhares brilhantes
esperança esquecida
som de risadas
nas entrelinhas da face envelhecida

mas chega em frente
acolhe horizontes
abre os braços
aguarda o novo dia
nascer devagarinho
trazendo sementes de vida
a quem deseja semeá-las

Um comentário:

Bete Salgado disse...

Luh,
adorei conhcer seu lado poeta!