Meus vídeo-poemas

Loading...

segunda-feira, março 29, 2010

Indagações



29/03/2010
03:40h

no quarto escuro
apenas lembranças
entram pelas grades
das janela de vidro

entram sorrateiras
ora temerosas
pelo clarão dos raios
grito dos trovões

chove incessantemente
lá fora
dentro de mim
um dilúvio se inicia

reflexões acerca de mim
cercam meus sentidos
vontade de nada ser

um abismo de indagações
se apodera dos
frágeis pensamentos

já não sei o que faz sentido
julgo-me minúscula
ser insignificante
cujas qualidades inexistem

o cansaço toma conta da alma
faminto, insaciável, incauto

nem os relâmpagos
que clareiam o céu chuvoso
são capazes de iluminar
minhas interrogações

e o cansaço toma conta
do indissolúvel corpo
e adormeço
levando para o asilo dos sonhos
tudo que um dia
quis ter sido
mas nunca fui

Nenhum comentário: