Meus vídeo-poemas

Loading...

domingo, dezembro 02, 2012

Lentes

 
 
 
das lentes do poeta
nada escapa
-tudo capta-
e se revela
sob a luz
da palavra
 
 
LuhOliveira
18072012

Nenhum comentário: