Meus vídeo-poemas

Loading...

sábado, dezembro 01, 2012

Madrugada



É madrugada.
A cidade parece parada
para ser transformada
A natureza repousa azuis
sobre todos os quintais
e tempos
pra ser orvalhada
Silêncio.
E eu calada.
Absolutamente calada.
Apenas a escutar o silêncio
Solidão?
Não. Meditação.
Profunda reflexão.
Comum união.
Comunhão.
Eu a ouvir.
Eu e Ele.
Ele e eu.
Nós dois.
Eu e Deus.
(09/07/2006)

Um comentário:

tonho frança disse...

e n c a n t a d o a o l a d o t e u.....linda!!!!!!!!!!